February 23, 2020 Rádio Oásis FM

Brasil capacita profissionais para diagnosticar novo coronavírus

Durante dois dias, os profissionais de nove países da América Latina compartilharam experiências e fortaleceram a capacidade de realizar diagnósticos nacionais e regionais.

O Ministério da Saúde, em parceria com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), promoveu uma capacitação técnica com representantes de nove países da América Latina sobre como diagnosticar e atuar na emergência de saúde pública com o novo coronavírus. O Brasil é referência mundial para o diagnóstico laboratorial de vírus respiratórios. Durante dois dias, os profissionais puderam compartilhar experiências e fortaleceram a capacidade de realizar diagnósticos nacionais e regional. Também foi possível garantir que os Estados Membros da Região das Américas estejam preparados para responder à emergência sanitária, com a utilização dos mesmos protocolos de análise preconizados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e já usados pelo no Brasil. De acordo com o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Wanderson Oliveira, essa estratégia vai melhorar atuação do governo brasileiro em favor da saúde do cidadão. 

“Depois de todas as emergências, todos os países que utilizarem, que fizerem as suas lições aprendidas. Por que não basta enfrentar bem uma emergência, mas, principalmente, olhar para trás e ver o que pode ser aprimorado, o que deu certo, o que pode ser aprimorado, o que que não deu certo e o que deve ser feito para que, em situações similares ou situações de emergência de modo geral, possa ser aprimorada a resposta. Sempre é possível melhorar”.

O encontro contou com especialistas da Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Panamá, Paraguai, Peru e Uruguai. Recentemente, o Laboratório da Fiocruz realizou o treinamento de profissionais dos Institutos Evandro Chagas, do Pará, e Instituto Adolfo Lutz, de São Paulo, ajudando a descentralizar o diagnóstico na rede brasileira, o que gerou maior agilidade na investigação de casos suspeitos. 

Por: redação rádio oásis Fm / Fonte: Agência do rádio

in Saúde
Banner
Related Posts

Quatro tipos diferentes do vírus da dengue circulam no Brasil.

janeiro 21, 2020

janeiro 21, 2020

O Brasil está em estado de combate ao Aedes aegypti. Além de eliminar os criadouros, as pessoas precisam se informar...

Secretaria de Saúde de Minas Gerais investiga caso suspeito de coronavírus

janeiro 24, 2020

janeiro 24, 2020

Uma mulher de 35 anos desembarcou no aeroporto da capital mineira no sábado (18), com suspeitas de ter contraído o...

Número de mortos por coronavírus na China chega a 106

janeiro 28, 2020

janeiro 28, 2020

Cem mortes aconteceram na província de Hubei, onde fica a cidade de Wuhan. Homem de 50 anos foi a primeira...

Anvisa tira do mercado 200 lotes do remédio Lozartana para pressão arterial

janeiro 30, 2020

janeiro 30, 2020

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) mandou retirar do mercado cerca de 200 lotes contaminados de remédios para a...

Possível caso de coronavírus é investigado no Rio; país registra mais 8 suspeitas

janeiro 30, 2020

janeiro 30, 2020

Pacientes que estão sob investigação estão sendo monitorados e ficarão isolados até a divulgação do resultado dos exames Rio – O...

CORONAVIRUS: Ministério da Saúde registra diminuição de casos suspeitos

fevereiro 5, 2020

fevereiro 5, 2020

Agora, 13 casos se enquadram na atual definição de caso suspeito para coronavírus O Ministério da Saúde atualizou, nesta terça-feira...

Comments
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *